sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Medo de avião

Bom, se eu for falar desse medo e dos vários micos que já paguei embarcando, ficaremos aqui até amanhã. Hoje estou vendo passagens para visitar minha família lá no Norte e já estou sofrendo, imaginando a decolagem, estar lá em cima vendo o chão pequenininho, sabendo que meus pés estão sobre milhares de metros de altura e logo imagino a merda do avião despencando e eu morrendo de medo na hora da queda, gritando feito uma louca desvairada, que nem quando estou numa montanha russa (cafona master, grito na hora da descida de qualquer montanha "meu Deeeeus, socoooorroooo, alguém me ajude, eu vou morreeeerrr!"). Tenho muito medo de altura, medo que eu não tinha quando era mais nova, acho que tinha menos medo de morrer e mais inocência. Quando eu tinha uns 4 anos, acordei de madrugada, com insônia, e decidi ficar na janela do apartamento que moro hoje, olhando pra rua. Pra ficar mais confortável, abri a janela e sentei no parapeito, com um pé pra dentro e outro pra fora de casa e lá fiquei, por um tempo infinito na minha memória de criança, sem medo algum. Quando me cansei de olhar pra rua, entrei em casa e fui dormir, como se nada tivesse acontecido. Demorei muito pra contar isso pra minha mãe, acho que eu era tão boazinha que ela jamais acharia que eu faria uma merda dessa. Acho que por isso que minha mãe logo mandou instalar telas de proteção pela casa toda quando o Gugu nasceu (além de protetores de tomada, de quina, trocou todas as portas de madeira por sanfonadas, sei lá se a sociedade pressiona os pais a serem super proterores hoje em dia ou se foi zelo por causa do caçula). Meu medo de altura piora cada vez mais, assim como o medo de altura que meu pai tem. Tem rede de proteção na casa dos meus pais, mesmo sem ter crianças por lá. Tem também telas no apê em Long Beach e na minha casa, a primeira coisa que troquei quando mudamos pra cá foram as telas, por causa do Max e do Thomas, dois trepadores de janela. Estou pensando em tomar um remédinho pra dormir se eu for mesmo pegar um avião esse ano, pra não dar show que nem ano passado. Será que existe tratamento pra medo de avião?

PS: acho que já postei algo sobre medo de avião, já tinha tags pré-marcados com as palavras medo e avião por aqui... que doida, preciso me tratar.

Um comentário:

  1. Boa!

    Eu tenho certeza que sim, hoje em dia existe tratamento até para tratamento.

    A sociedade Pressiona... mais é sempre bom zelar, se existe TELAS em todos os apartamentos muita gente poderia ser salva ou não (CASO NARDONE).

    Eu acredito super normal ter MEDO, coisa do ser humano, nós sempre temos esse sentimento perante a morte, por mais que ela seja a única certeza da vida...

    BjuBju

    ResponderExcluir