domingo, 28 de março de 2010

A pizzaria

Ou a Central de Telemarketing, se preferir. Minha casa é um terror, o telefone não pára um minuto, toca, toca e toca. Se fosse só eu que achasse isso, tudo bem, mas até uma visita que passe umas horas a mais aqui em casa percebe o quanto esse diabo de telefone toca. Estou cansada, com sono, me acostumando a acordar cedinho de novo. Minhas aulas começaram firme e estou indo certihno e por isso morro de sono). Dia desses cheguei do trabalho exausta, foi um dia difícil tanto fisicamente quanto psicologicamente. A impressão que dá é que meu cérebro não está funcionando 100%, muito esquisito. Tiro o fim da tarde pra dormir, pra chegar em algum estado na aula. Só que, o telefone, como sempre, não deixa. Das 4 e pouco até a hora da aula, o telefone toca aproximadamente 8 vezes, sendo quatro pessoas diferentes ligando aqui. Quando eu estava começando a fechar o olho mesmo, o telefone toca, aquela campainha no último volume, algo que, sem sono, já beira o insuportável. Uma hora é minha mãe, outra, minha sogra, outra o banco, outra a C&A, outra meu irmão, outra Otto. Quando não durmo e estou fazendo um trabalho ou vendo TV eu nem ligo, atendo na boa e ainda bato papo, mas quando quero dormir... e não tiro o tel da tomada porque às vezes pode ser alguma coisa importante. Como tenho que marcar com o Gugu a hora que vamos pra aula, de que jeito e tudo mais, ele precisa mesmo me ligar pra combinarmos e tal. Não tem jeito, aqui é quase uma pizzaria.

Música tudo a ver: Lady Gaga feat. Beyoncé - Telephone

Nenhum comentário:

Postar um comentário