segunda-feira, 11 de abril de 2016

Parabéns, mãe!

Minha parceira, melhor amiga, companheira de todas as horas, juntas até para brigar, rs!

Eu e minha mãe temos pouco mais de 20 anos de diferença. Hoje ela é avó dos meus filhos, mas nem parece: toda jovem, arrumada, parece uma mocinha, ninguém acredita quando descobrem que ela tem netos!

A gente não se desgruda, somos pior que chiclete. Ela me acompanha pra todo lado e eu a acompanho também. Viajamos demais juntas, ela é minha maior companheira de aventuras! Topa qualquer parada, cidade grande, interior, hotel fazenda, pega avião, ônibus, carrega criança, troca fralda, encara MESMO!

Uma leva a outra ao médico, uma dá bronca na outra, vamos passear às vezes só nós duas, às vezes com a família toda. Coruja com os netos, a gente até se desentende de tanto amor que ela sente, já que acaba estragando os meus pequenos malandrinhos, rs.

Hoje que tenho meus filhos, entendo minha mãe mais do que nunca. Agradeço por tê-la tão perto, me ajudando na difícil tarefa de educar as crianças, em lidar com as diferenças no casamento, nas dificuldades da vida. Tê-la perto é ótimo também para as horas boas, como sair para tomar um simples sorvete, dar uma caminhada pelo bairro ou comemorar uma data importante.

Olha, são tantas coisas para falar que ficaria aqui dias escrevendo as qualidades dela... morro de admiração pela minha mãe e essa semana comemoramos mais um ano de vida dessa pessoa tão especial. Que a gente siga unida e sejamos aquelas velhinhas grudadas que vemos andando na rua da Mooca, mãe e filha, uma com 80 e a outra com 60, passeando, vendo vitrines, tomando cafezinho com bolo e rindo de tudo!

Parabéns, te amamos muito!

Nenhum comentário:

Postar um comentário